UBS 3 de Planaltina passa usar serviços via WhatsApp para melhorar atendimento à população

UBS 3 de Planaltina oferece atendimento on-line por aplicativo

A técnica foi implantada em julho e já tem resultados positivos, conforme avalia um médico da unidade

Por Redação

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informa que a implantação de um sistema de consulta de serviços via WhatsApp tem modificado a rotina de dos funcionários e usuários da Unidade Básica de Saúde (UBS) 3 de Planaltina. Conhecida por Centro de Educação Profissional de Saúde (CEP-Saúde), a UBS 3 tem ofertados serviços via mensagens que tem contribuído com a agilidade do serviço na unidade. São serviços como vacinação, exames e detalhes sobre a unidade, como horário de funcionamento, que, na prática, fazem toda diferença na comodidade da população usuária.

O sistema de mensagens via WhatsApp começou a ser oferecido em julho. Com um mês apenas, ou seja, durante todo o mês de agosto, a UBS 3 registrou 337 mensagens. O usuário entra em contato com a UBS pelo aplicativo e expõem suas dúvidas. Algumas delas, por serem comuns a maioria da população, são respondidas de forma automática, o que ajuda na agilidade dos serviços.

A implantação do serviço aconteceu através de um médico que trabalha na unidade e, após uma viagem a Florianópolis (SC), conheceu o método e trouxe para testar em Planaltina. Trata-se do médico de Família e Comunidade, Vinícius Luz, que comprova os ganhos após a instalação do sistema.

“O acesso digital trouxe muitas vantagens. Com o serviço, os pacientes conseguem resolver as demandas mais simples sem precisar virem à unidade. Isso reduz a questão da aglomeração e melhora até mesmo o processo de trabalho dos profissionais, que se sentem menos sobrecarregados”, afirma.

Devido aos resultados positivos do serviço, a SES-DF estendeu a prática a outras UBSs. No caso de Planaltina, o serviço on-line está disponível à população atendida pela UBS 3, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

“A partir do ponto em que o paciente entra em contato por mensagem, recebe as informações iniciais, o pedido de se identificar e informar seu endereço, e um telefone para contato caso de uma urgência ou emergência”, explica Vinícius Luz.

Ainda segundo o médico, o serviço em Planaltina deve continuar após a pandemia e será utilizado também para marcação de consultas, o que deve diminuir as famosas filas de espera nos postos de saúde. “Por conta da pandemia, ainda estamos tendo dificuldades com a agenda dos profissionais, devido ao aumento da demanda. Mas a partir do momento que virmos que é possível, também faremos o acolhimento para marcação de consultas.”

Fonte Blog do Ulhoa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui