Programa Bombeiros Mirins de Planaltina Arrecada cestas básicas para as famílias dos alunos

Ten. Coronel Medeiros, comandante do 9º GBM

O programa Bombeiros Mirins começou de forma espontânea, mas tem ganhado força e atualmente atende 100 famílias do programa Bombeiros Mirins por mês; todo o projeto é sustentado por doações

Por Redação

Nenhum estudo foi realizado ainda sobre as famílias que estão passando necessidades em razão da pandemia de covid-19. Mas pelas altas taxas de desemprego – 13 milhões de pessoas estariam nessa situação – pode-se presumir que, mesmo com toda ajuda do poder público, através de transferência de renda à população, muitas famílias ainda se encontram necessitadas.

Sargento J. Jesus

Em Planaltina, a ideia do sargento do Corpo de Bombeiros local, J. Jesus, também mostra que a pandemia, além de atingir a saúde pública, esbarrou também na economia. A proposta foi desenvolvida dentro do Projeto de Segurança Alimentar e Nutricional do Programa Bombeiros Mirins de Planaltina.

O projeto já existe em 12 regiões administrativas e conta com três polos, sendo um em Ceilândia, no Gama e em Planaltina.

A atitude do Sgt J. Jesus foi de arrecadar cestas básicas e outros produtos de uso doméstico para distribuir a famílias de baixa renda de Planaltina e região. A iniciativa rapidamente ganhou força e atualmente atende mais de 100 famílias. Com ajuda do setor privado, o projeto recebeu doação de 425 cestas, doadas por pelo proprietário da Fazenda Sementes Três Pinheiros, Srº Macio Binote. Houve ainda a contribuição de Sandra Chacareira local, que apoiou com diversas cesta verdes.

Também apoiaram o projeto, o comandante geral dos Bombeiros, coronel Lizandro, a tenente coronel, Raquel- chefe da PROS, e a tenente Maria Ribas – chefe do setor.

Sargento José Ramos

“Em virtude da pandemia de covid-19, muitas famílias atendidas pelo programa, são famílias carentes, por isso, teve-se iniciativa do sargento J. Jesus, que incentivou a colaboração de cestas emergenciais para atender a essas famílias carentes”, explica o sargento do Corpo de Bombeiros, José Ramos.

Para mais informações e como e o que doar ligue (61) 9. 81478915.

Veja a fotos:

Fonte Blog do Ulhoa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui