Neuronavegador híbrido já está funcionando no Hospital da Criança de Brasília

Hospital da Criança adquire neuronavegador híbrido

O aparelho ajuda na detecção tumores e realização de cirurgias cerebrais; um menino de 4 anos foi operado com auxílio do neuronavegador nesta quarta

Por Cláudio Ulhoa

Uma emenda parlamentar, liberada pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) resultou na compra de um aparelho – neuronavegador híbrido – para o Hospital da Criança de Brasília (HCB) que possibilita que os médicos mapeiam o cérebro de criança, ajudando a localizar áreas que precisam ser operadas. De acordo com a secretaria, o aparelho já está funcionado e, na tarde desta quarta-feira (27), foi realizada a retirada de um tumor do cérebro de um menino de 4 anos.

O aparelho é o primeiro do DF, mas já é utilizado em hospitais de São Paulo e de outros países. Sua estrutura é composta por uma câmera infravermelha, que capta os sinais de pequenos sensores utilizados durante os procedimentos – essa captação permite localizar o ponto do cérebro onde a cirurgia precisa ser realizada.

“Permite descobrir tumores, hidrocefalias com septações [divisões por septos], ajuda em plásticas do aqueduto cerebral”, explica o neurocirurgião do HCB Benício Oton de Lima.

Ainda de acordo com o neurocirurgião, o aparelho chega em um momento preciso, já que o número de crianças com tumores cerebrais que buscam auxilio no HCB tem aumentado.

“Hoje, a quantidade de crianças com tumores cerebrais chega a cerca de 50 por ano; com hidrocefalias complexas, 30 por ano – então, são cerca de 80 crianças por ano que podem ser atendidas, com resultado melhor e menos riscos de sequela”, ressalta Lima.

A emenda parlamentar, no valor de R$ 1 milhão, que resultou na compra no aparelho, é de autoria do deputado distrital, Agaciel Maia (PR).

*Cláudio Ulhoa – Jornalista, membro da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno – ABBP

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui