Justiça nega ação de Xuxa contra Sikêra Jr. para que programa fosse retirado do ar

Sikêra Jr derrota Xuxa na justiça e ora de joelhos na TV por seu programa não ser tirado do ar

Apresentador agradeceu a decisão judicial durante apresentação de seu programa e disse que ‘’quem anda com Deus não teme não! Ele é mais poderoso que tudo’

Por Redação

O caso que envolve o apresentador de TV, Sikêra Jr., e a também apresentadora, Xuxa (Maria da Graça), teve mais um capítulo nessa semana. Depois que Maria da Graça entrou na Justiça pedido punições ao apresentador, que durante apresentação de seu programa, o Alerta Nacional, exibir um vídeo de um homem praticando zoofilia na TV aberta. Por sua vez, Sikêra se defendeu dizendo que Xuxa defende a pedofilia, e citou como exemplo o livro infantil que apresentadora lançou recentemente.

Desde então, os dois começaram a trocar acusações através dos veículos de comunicação. Sikêra, diariamente tem utilizado seu programa na Rede TV para criticar a apresentadora. Já Xuxa, entrou na Justiça de São Paulo com pedido de retirada do programa Alerta Nacional do ar – a Justiça negou.

Em seu programa, Sikêra agradeceu a decisão judicial realizando, de joelhos, uma oração de joelhos. “Meu Senhor Jesus Cristo, entra comigo nesta luta agora porque sem o Senhor eu não sou nada, eu não existo. Senhor Jesus Cristo, Filho do Deus Pai Todo Poderoso fique comigo não me abandones”, disse o apresentador.

Agora Xuxa parece pegar outro caminho para tentar incriminar Sikêra, o da Justiça Criminal. Seus advogados entraram com quatro ações penais pelos crimes de difamação e injúria, em razão de cada um dos vídeos contra ela e o ator, além dos pedidos cautelares, contra o apresentador.

O pagamento de R$ 500 mil que Xuxa determinava também foi negado. Ainda durante seu programa, Sikêra pediu que “Jesus Cristo tenha dó da sua alma porque o que a senhora esta fazendo com as crianças, e não é de hoje, é terrível, inaceitável.”

Fonte Blog do Ulhoa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui