Em entrevista, Ronaldo Caiado fala sobre as últimas ações de governo e diz que Goiás está preparado para enfrentar o pós-pandemia

O governador Rolnaldo Caiado durante entrevista nesta sexta-feira (20) no programa Caiado Ao Vivo

O governador falou de assuntos como saúde, segurança, educação e ações pós-pandemia; Caiado garantiu que vai investir na compra de vacina contra covid-19 e que manterá medidas de segurança, como uso de máscaras e álcool em gel, no próximo ano

Por Redação

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) participou, hoje, 20, de mais uma edição do programa de entrevista Caiado Ao Vivo, que semanalmente é transmitido pela internet. Em mais de uma hora de conversa, o governador falou sobre as ações desenvolvidas nos últimos dias, respondeu pergunta dos internautas e assegurou que o estado está preparado para enfrentar uma possível segunda onda de covid-19.

Caiado resumiu os serviços das últimas semanas como produtivos. Ao falar sobre as ações, ele destacou o âmbito da educação que estaria recebendo uma atenção exclusiva do governo. Como exemplo o governador citou as reformas ocorridas nas escolas estaduais, o compromisso com a valorização salarial dos professores, e as políticas públicas para envolver as famílias na vida escolar.

Para o governador, essa atenção voltada à educação também tem ocorrido nas outras áreas, o que estaria colocando Goiás em posição do destaque no cenário nacional. “Olha, nós estamos nos esforçando, você não vê escândalo mais, você não vê Goiás nas páginas policiais, você não vê Goiás na corrupção, porque todo o dinheiro está sendo voltado para cidadão em saúde, educação, segurança pública, programa sociais”, afirma Caiado.

Parceria entre governo de Goiás e governo federal entrega 3 mil títulos de propriedade para famílias em assentamentos; titulação garante a posse definitiva da terra aos agricultores familiares assentados

Quase todos os governos enfrentam o dilema de recuperar a retomada de economia e a possibilidade de enfrentar uma segunda onda de covid-19. Em Goiás, uma pasta, a Secretaria de Retomada, que é a primeira estrutura de Estado no Brasil, com status de secretaria, voltada especificamente à recuperação da economia no pós-pandemia.

Entre as ações desenvolvidas para o enfrentamento da crise econômica do pós-pandemia, Caiado destacou a parceria que o governo estadual fez junto ao governo federal, através do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que resultou na da entrega de 3.215 documentos de titulação para beneficiários do Programa Nacional de Reforma Agrária (PNRA) no assentamento Bom Sucesso, em Flores de Goiás (GO). Foram beneficiadas famílias residentes em 57 assentamentos localizados em 31 municípios de Goiás e no entorno do Distrito Federal.

A parceria também resultou na assinatura de ordem de serviço para a execução de obras de recuperação das estradas de acesso e internas nos assentamentos de Bom Sucesso/Santa Cruz, Bom Sucesso II e Santa Clara, localizados em Flores de Goiás e, Nova Visão, Fartura, Palmital e Santa Maria, em São João D’ Aliança. No caso de Bom Sucesso, o governo federal garantiu que em breve será instalada uma rede de wi-fi na praça central do assentamento.

Centro de Tecnologia Ferroviária

A proposta do governador é fazer com que as empresas sintam confiança e interesse em investir em Goiás. Nesta sexta-feira, 20, o governador disse que recebeu mensagens de empresários paulistas que estão saindo de São Paulo para ir investir no estado. Segundo Caiado, isso acontece porque o governo aposta em investir em políticas públicas que apoiem o desenvolvimento econômico da região.

Como exemplo dessa postura de governo, Caiado falou sobre a área que abrigará o Centro de Excelência de Tecnologia Ferroviária, em Anápolis. Os investimentos devem chegar a R$ 60 bilhões em 30 anos. Segundo Caiado, será o maior complexo tecnológico e de inovação deste setor de transportes da América Latina, resultado de parceria entre Governo de Goiás, responsável pela execução da obra, e Ministério da Infraestrutura (Minfra).

“Queremos, até o final do ano, estarmos bem avançados aqui, para podermos transformá-lo em um centro de referência, fechando [o projeto] com chave de ouro”, garante o governador.

Covid-19

Boletim divulgado nesta quinta-feira (19) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) de Goiás apontava para 271.633 contaminados e 6.159 mortes por coronavírus. Somente nas últimas 24 horas, mais 1.169 pessoas que foram submetidas a testes tiveram resultado positivo e 52 novas mortes foram registradas no estado. Nos últimos 13 dias, o estado contabilizou 260 mil casos confirmados.

O governador falou sobre o assunto e disse que a posição do Executivo será a mesma adotada durante o início da pandemia, porém, com mais cautela, uma vez que o governo teria mais conhecimento para lidar com doença. De acordo com Caiado, o governo vai investir na compra de vacinas contra a doença – quando essas estiveram prontas – e manterá em vigor as determinações relacionadas às medidas de segurança, como o uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento social.

“Goiás hoje tem uma rede estruturada, tem uma ocupação de leitos de 40% e temos condições de preservar o uso da máscara, álcool nas mãos para que a gente possa ter cada vez mais um menor número de contaminados”, assegura o governador.

Fonte Blog do Ulhoa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui