Em 2020, oferta de crédito da GoiásFomento foi 152% maior

Caiado comemora números da GoiásFomento: 2021 já tem mais de R$ 107 milhões disponíveis para crédito. Oferta é fundamental para proteger empreendedores, movimentar economia, e gerar emprego e renda

Valor chegou a R$ 80,8 milhões e beneficiou mais de 1,6 mil empreendedores. Medida ainda contribuiu para geração ou manutenção de 6,5 mil postos de trabalho

Balanço divulgado pela Agência de Fomento de Goiás (GoiásFomento) mostra crescimento substancial nos valores liberados no ano passado. Foram financiados R$ 80,8 milhões em pelo menos oito linhas de crédito. O montante é 152% superior a 2019, quando a instituição financeira emprestou R$ 32 milhões. Os recursos beneficiaram 1.607 empreendedores.

Um dos melhores resultados para o Estado, com esses dados, reflete no mercado de trabalho. Com os valores liberados para investimentos na iniciativa privada, Goiás teve a geração ou manutenção de 6.527 postos de emprego. Em 2019, esse número ficou em 2.785.

“Avaliamos esses números com o sentimento de missão cumprida. O governador [Ronaldo Caiado] determinou que, dentro do legalmente possível, as empresas, principalmente as micro e pequenas, tivessem total apoio do Estado, por meio da GoiásFomento”, destacou o presidente da agência, Rivael Aguiar.

Entre as ações desenvolvidas constam a simplificação do cadastro, a celeridade no processo, as forças-tarefas e os fundos de aval. ” Com certeza, [as empresas] não teriam acesso a essas linhas de crédito em bancos comerciais”, reforçou Aguiar.

Aliado aos bons números de contratações, a GoiásFomento registrou redução na inadimplência de micro, pequenas e médias empresas, mesmo durante a pandemia da Covid-19. Em novembro do ano passado, o índice foi de 4,9%, considerado um recorde em anos. Em outubro (6,2%) e setembro (7,5%), os números também já registravam baixas.

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui