Criada força-tarefa para inspecionar estádios de futebol

Ação é fruto de parceria entre Secretaria de Esporte e Lazer, Diretoria de Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar do DF

Os equipamentos públicos de esporte da capital federal vão passar por minuciosa vistoria nos próximos dias. Em parceria com Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF), Diretoria de Vigilância Sanitária (Divs) e Polícia Militar do DF (PMDF), a Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) coordena uma força-tarefa para garantir que esses espaços ofereçam segurança e comodidade aos seus frequentadores.

O Decreto Nº 40.891, publicado na edição extra de terça-feira (16) do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), prevê que seja identificada a real situação de 11 estádios de futebol espalhados nas regiões administrativas (RAs) do DF. Estabelecido em 20 dias úteis, o prazo essa ação ser concluída pode ser prorrogado, caso haja necessidade.

Será avaliada a necessidade de intervenção nos estádios Valmir Campelo Bezerra, o Bezerrão, no Gama; Elmo Serejo Farias, o Serejão, em Taguatinga; Augustinho Lima, em Sobradinho; Maria de Lourdes Abadia (Abadião), em Ceilândia; Joaquim Domingos Roriz (Rorizão), em Samambaia; Juscelino Kubitschek, no Paranoá; Chapadinha, em Brazlândia; Metropolitana, no Núcleo Bandeirante; Ninho do Carcará, no Cruzeiro; Adonir Guimarães, em Planaltina/DF; e o Complexo Esportivo e de Lazer do Guará (Cave), no Guará II.

“Identifiquei o problema nos laudos dos estádios nos meus primeiros dias de gestão e já procurei a solução junto ao GDF”, relata a secretária de Esporte e Lazer, Celina Leão. “Preparamos uma força-tarefa para solucionar as vistorias e as fiscalizações nesses locais. A comissão vai agilizar os resultados para provocar a breve regulamentação dos estádios do DF.”

Entre os itens analisados, estão segurança, acessibilidade, conforto, prevenção de acidentes e estrutura para combate a incêndio, assim como as condições sanitárias e de higiene. Cada estádio – composto por múltiplos espaços, como gramado, pista de atletismo, arquibancadas, tribunas e áreas de lançamento e saltos – requer um conjunto de ações em diferentes níveis para se adequar aos eventos esportivos.

Com informações da SEL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui