CLDF realiza debate sobre reabertura do comércio e das retomada das aulas

Flexibilização da quarentena é tema de live da CLDF nesta quinta-feira

A discussão acontece no canal da Casa no YouTube hoje (2) às 17h; estão convidados para o debate o deputado Fábio Felix e a deputada Júlia Lucy

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) vai debater hoje, 2, às 17h, em seu canal no YouTube, a situação da reabertura do comércio e das atividades escolares no pós-pandemia de covid-19. A discussão acontece na segunda edição do programa produzido pela Casa, o “Live CLDF”, que tem a intensão justamente de trazer à tona os principais assuntos do momento.

A reabertura do comércio (bares, restaurantes, salões de beleza e academias) e também a retomada das aulas foi anunciada pela imprensa do DF nesta semana após fontes do governo declararem que já há um calendário estabelecendo a data de retorno das atividades. O próprio governador Ibaneis Rocha (MDB) chegou a defender a retomada antes que a população, segundo ele, voltaria à rotina normal mesmo sem autorização do governo.

“Para se ter uma ideia, antes da abertura do comércio nós tínhamos entre 42% e 43% de isolamento. Com a abertura está girando entre 38% e 39%. Isso é a prova de que as pessoas já não estavam ficando em casa. Então, é melhor a gente fazer um cronograma, fazer com responsabilidade, fazer baseado em leitos de saúde”, disse Ibaneis.

Mas o aumento dos casos e mortes por covid-19 no DF nos últimos dias tem preocupado parlamentares de oposição. Exemplo é o distrital Fábio Felix(PSOL), que de acordo com a CLDF, seria contra a reabertura das atividades no mês de julho. Para o deputado, é preciso, antes, que a população tenha uma infraestrutura adequada na saúde pública para a retomada.

Os distritais Júlia Lucy (Novo) e Fábio Felix (PSOL) vão debater o tema em transmissão ao vivo no canal do YouTube da Casa

“Quando o DF não tiver mais leitos de UTI disponíveis e o sistema de saúde entrar em colapso, a responsabilidade por cada morte evitável estará, sim, nas mãos do governador”, argumenta o distrital.

Mas os deputados que apoiam o governo, como é o caso da distrital Júlia Lucy (Novo), a posição de reabrir o comércio deve ser defendida porque, assim como pensa Ibaneis, a população já estaria saindo de casa para suas atividades de rotina sem a autorização do governo.

“É melhor liberar o funcionamento com regras claras e protocolos de segurança efetivos, do que fingir que as pessoas conseguem ficar em casa sem receber dinheiro, sem trabalhar, sem se sustentar”, explica Lucy.

Mas o deputado Felix não concorda com esse ponto de vista e afirma que este posicionamento do governo em achar que a sociedade já está voltando às atividades, está retirando um pouco da credibilidade que Ibaneis teria recebido durante a pandemia por ter sido um dos primeiros governadores a decretar o isolamento social no país. “É lamentável que Ibaneis tenha deixado de ser exemplo no enfrentamento ao coronavírus para se tornar uma caricatura do Bolsonaro.”

Por sua vez, a deputada governista não vê problemas, pois como ela ressalta, não seria só o cidadão o mais prejudicado com a suspensão das atividades, mas a própria economia local. “Já passamos de cem dias de paralisia de economia. As pessoas já não estão aderindo mais ao isolamento social porque elas precisam trabalhar para comer”, avalia.

Durante a live, a população pode interagir com debatedores, que hoje serão os parlamentares Fábio Felix e Júlia Lucy, através do chat.

Fonte News Black

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui