- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
BrasilFrente fria deve derrubar temperatura na Região Sul a partir de hoje

Frente fria deve derrubar temperatura na Região Sul a partir de hoje

Após a intensa onda de frio em maio, as temperaturas devem cair na Região Sul do país neste fim de semana, em razão de uma frente fria. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) a nova onda de frio nos próximos dias deve durar até segunda-feira (13). O motivo é uma massa de ar de origem polar, com previsão de geada.

De acordo com o Inmet, este sábado (11) será gelado em toda a Região Sul. As temperaturas mínimas ficarão em torno de menos 5 graus Celsius (°C), nas serras gaúcha e catarinense.

Além do Sul, o frio deve atingir também Mato Grosso do Sul, áreas de Mato Grosso, São Paulo e no extremo sul de Goiás, favorecendo a diminuição das temperaturas máximas. De acordo com o Inmet, o ar frio também pode causar um novo episódio de friagem em áreas das regiões Centro-Oeste e Norte.

No domingo, o ar frio avança para o Mato Grosso do Sul, São Paulo e Mato Grosso. Nesse dia, as temperaturas deverão variar entre 4°C e 20°C em Ponta Porã (MS), entre 5°C e 15°C em Campos do Jordão (SP) e entre 10°C e 20°C na capital paulista.

Ainda há previsão de geada ampla e de intensidade moderada a forte em áreas do oeste, norte e Serras do Rio Grande do Sul, sul do Paraná e em praticamente todo o estado de Santa Catarina, com exceção apenas do litoral. Também há previsão de geada, de menor intensidade, no centro e norte do Paraná e no sul de São Paulo e do Mato Grosso do Sul.

O instituto emitiu ainda um aviso de perigo potencial de ventos costeiros que podem atingir a Grande Florianópolis, o Sul Catarinense, o Sudeste do Rio Grande do Sul e a região metropolitana de Porto Alegre.

Para a segunda-feira (13), a previsão do Inmet é de temperaturas ainda abaixo de zero nas serras gaúcha e catarinense, com possibilidade de geadas para a Região Sul, além de áreas do sul do Mato Grosso do Sul e de São Paulo e da Serra da Mantiqueira.

Fonte: Agência Brasil

- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo