Beneficiários de programa de assistência social da Caesb devem atualizar cadastro

A atualização pode ser feita pelo site da Companhia ou através do aplicativo da empresa; o cadastramento também é necessário para que não haja a interrupção do fornecimento de água

Cerca de 20 mil usuários dos serviços da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) precisam atualizar os seus cadastramentos junto empresa. Esse procedimento é realizado constantemente pela Caesb e visa garantir os direitos de clientes que usam o CPF como identificação de sua realidade socioeconômica. E através dessa cadastro, por exemplo, que a Companhia consegue identificar quais são os clientes aptos a receber benefícios sociais, já que  a tarifa social e outros programas estão diretamente relacionados ao CPF ou ao CNPJ dos usuários.

A atualização também é necessária para evitar a suspensão no fornecimento de água. Por isso, a empresa lembra, ao convocar para o cadastramento, que os usuários precisam atualizar os dados pessoais, como CPF ou CNPJ, documento pessoal digitalizado, telefone, e-mail, além de documentos que comprovem a posse, propriedade ou ocupação do imóvel.

Consumidores podem utilizar aplicativo ou site para corrigir dados

“Desde a publicação da Resolução nº 14, da Adasa, em outubro de 2011, o vínculo da Caesb com os usuários passou a ser por meio da relação contratual entre pessoa física ou pessoa jurídica. Mas, como a quantidade de usuários vinculados à Companhia é superior a 700 mil, alguns usuários ainda não atualizaram o cadastro”, resume o superintendente de Comercialização da Caesb, Diego Rezende Ferreira.

Cadastramento

Todo processo de atualização cadastral pode ser feito pelo próprio site da Caesb. As unidades de pronto-atendimento da Companhia estão fechadas em razão da pandemia de covid-19. Assim, o usuário precisa fazer a atualização via internet através do seguinte procedimento: acessar o Autoatendimento, clicando em “Alteração do Titular da Conta”.

Caso prefira, é possível também fazer a atualização através do aplicativo da Caesb, clicando em “Alterar Titularidade”, ou por meio da Agência Virtual enviando e-mail para o endereço agenciavirtual@caesb.df.gov.br, ou nas unidades do Na Hora de Ceilândia, Riacho Fundo, Taguatinga e Gama, por agendamento prévio, no site da Caesb.

Em casos de clientes com débitos, eles deverão ser negociados antes de se efetuar a atualização cadastral. Isso pode ser feito através do site www.caesb.df.gov.br, via Autoatendimento, ou presencialmente nas unidades do Na Hora de Ceilândia, Riacho Fundo, Taguatinga e Gama, através de agendamento prévio, no site da Caesb.

Fonte News Black

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui