Atualização cadastral do Passe Livre Estudantil pode ser feito pelo app BRB Mobilidade

Estudantes devem verificar lista de frequência e dados do cadastro no site do benefício

As aulas presenciais na rede pública do Distrito Federal terão início, de forma escalonada, a partir do dia 5 deste mês, e com isso o Passe Livre Estudantil voltará a valer para todos os estudantes. Para garantir o acesso ao transporte público coletivo, é necessário que o estudante ou os responsáveis fiquem atentos quanto à atualização do cadastro, que pode ser conferido pelo site ou pelo aplicativo do BRB Mobilidade disponível nas versões do Google Play e App Store.

Antes do início das aulas, é importante verificar se o nome do aluno está na lista enviada pela instituição de ensino. Caso o estudante tenha mudado de escola, é preciso comunicar. Verificação, atualização ou abertura de um novo cadastro podem ser feitos pelo aplicativo ou pelo site BRB Mobilidade.

Nas plataformas, o estudante também encontra outros serviços disponíveis, como a solicitação de segunda via do cartão e a extensão de acessos, caso o trajeto de casa para a escola tenha mudado e sejam necessários mais embarques.

Com o cadastro atualizado e o benefício em mãos, a primeira vez que o estudante for utilizar o cartão em um ônibus, micro-ônibus, BRT ou metrô, é preciso que ele aproxime o documento do validador duas vezes. Na primeira vez, o cartão será habilitado; na segunda, dará o acesso ao uso do transporte. Depois, é só passar pela catraca.

Em caso de problemas, dificuldades ou dúvidas em qualquer um dos passos para a utilização do benefício, o BRB disponibiliza atendimento virtual por meio do chatbot (software capaz de manter uma conversa com um usuário humano em linguagem natural, por meio de aplicativos de mensagens, sites, e outras plataformas digitais) e pela central do BRB Mobilidade, no número (61) 3120-9500.

Além disso, é possível buscar orientação em um dos nove postos físicos de atendimento ao estudante do BRB Mobilidade. Para casos específicos, como a retirada ou troca de cartão, é necessário ir a um desses locais. A lista completa de endereços está na página do BRB Mobilidade.

O cartão

Para garantir o bom funcionamento do cartão do Passe Livre Estudantil, é recomendado não o expor ao sol ou calor. O documento também não deve ser amassado, quebrado ou perfurado. Com esses cuidados, o estudante aumentará o tempo de uso do seu cartão.

Caso o cartão não esteja mais funcionando ou o estudante o tenha perdido ou tenha sido roubado, é possível fazer a solicitação da segunda via pelo site e pelo aplicativo. O valor para retirar o novo cartão é de R$ 5,40 e pode ser pago nas agências ou lojas de conveniência do BRB. Após a solicitação, será enviado um e-mail para o beneficiário com a data e o local para a retirada do cartão.

* Com informações da Secretaria de Transporte e Mobilidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui