Academias, barbearias e salões continuarão fechados, diz Doria

Segundo Doria, até dia 31 de maio nenhuma alteração será feita na quarentena de São Paulo.

Academias, barbearias e salões continuarão fechados, diz Doria

A inclusão pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido) de academias, salões de beleza e barbearias como atividades essenciais durante a pandemia do novo coronavírus levou a reações de governadores, que disseram que não vão seguir a orientação.

“Sobre o decreto presidencial relativo a academias de ginástica e salões de beleza, aqui em São Paulo o governo respeita e ouve o seu secretário da Saúde, o seu comitê da Saúde. Comitê de saúde e secretário indicam que ainda não temos condições sanitárias seguras para autorizar a abertura academias, salões de beleza e barbearias neste momento”, disse Doria.

Nosso maior respeito por esses profissionais é garantir a sua vida, sua existência e sua saúde”, acrescentou. Segundo Doria, até dia 31 de maio nenhuma alteração será feita na quarentena de São Paulo.

Informações Notícias ao Minuto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui